Guarda-Corpos

Tem como objetivo avaliar a função do guarda-corpos após uma eventual sobrecarga. Na prática, a ocorrência desta sobrecarga, como tumultos, impactos violentos, colisões, entre outros, remete a uma avaliação estrutural do guarda-corpo e, havendo a necessidade, ele deve ser substituído.

As verificações do protótipo do guarda-corpos são os seguintes itens:

  • Análise dimensional conforme a NBR 14718:2008
  • Determinação do esforço estático horizontal, conforme NBR 14718:2008 – Anexo A
  • Determinação do esforço estático vertical, conforme NBR 14718:2008 – Anexo B
  • Determinação da resistência a impactos, conforme NBR 14718:2008 – anexo C

Peças Suspensas

Determinação da resistência e dos deslocamentos dos SVVIE (Sistemas de Vedações Verticais Internas e Externas) às solicitações por peças suspensas. Seguindo orientações da ABNT NBR 15575-4:2013.

Impacto corpo mole e corpo duro

É empregado nos SVVIE (sistemas de vedações verticais internas e externas). Este ensaio visa determinar a resistência mecânica da parede a impactos provenientes da utilização do sistema. Conforme a NBR 15.575:2013 e NBR 11675:2016.

Simulação térmica

A NBR 15.575-1 estabelece como procedimento normativo a avaliação da edificação como um todo, através de simulação computacional.  A edificação é modelada no programa SketchUp com o plugin OpenStudio e posteriormente é feita a simulação de desempenho térmico no software EnergyPlus, para a estimativa das temperaturas internas nos ambientes de permanência prolongada.

A partir da identificação da Zona Bioclimática correspondente à localização da cidade, são definidos valores máximos e mínimos das temperaturas do ar no interior da edificação para dias típicos de inverno e de verão. Esses valores de referência serão comparados com os valores encontrados na simulação térmica do EnergyPlus para classificar a edificação com desempenho “Mínimo”, “Intermediário” e “Superior”.

Desempenho Lumínico

Medições in loco com luxímetro para determinação do Fator de Luz Diurna (FLD).

Contando unicamente com a iluminação natural, os níveis gerais de iluminância devem atender ao disposto na NBR 15575.

Ficou Interessado? Entre em contato conosco e saiba mais!

Fale Conosco

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt